Call Export discorre sobre a Exportação de Carne Bovina e as Tendências em 2021.

Carne Bovina no primeiro trimestre de 2021

Um recorde de exportação em 2020, a carne bovina registrou aproximadamente 11% de crescimento em relação a 2019 e acumulou mais de US$8 Bilhões exportados. Nos últimos anos, houve crescimento constante, com recordes ano após ano.

Com 35 frigoríficos habilitados atualmente a exportar carne para países como a China, é esperado que mais 26 desses estabelecimentos sejam homologados em 2021. E apesar de uma previsão mais conservadora por parte da ABIEC (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne), acredita-se que a China vai contribuir para um resultado positivo para a exportação de carne este ano, já que o Brasil respondeu ano passado por 42,3% do consumo de carne bovina na China.

Vantagens em 2021

Um dos principais concorrentes do Brasil na carne bovina, a Austrália obteve queda de 13% na sua produção ano passado e deve ainda passar o ano de 2021 em recuperação e isso é uma vantagem para o produtor brasileiro.

O Rabobank Holandês projeta um crescimento de 5.5% global no consumo de carne bovina para 2021 impulsionado pelo crescimento Chinês.

Ainda, surtos como o da PSA (Peste Suína Africana) que em 2019 afetou locais como a Rússia e a África, e a oferta limitada de animais prontos para o abate, bem como a recuperação do mercado doméstico devem contribuir para o mercado brasileiro de carne bovina em 2021.

Nossa equipe torna o seu processo de exportação e importação mais tranquilo e ágil. Nos diga como podemos lhe ajudar.